Resumão Tribos e Impérios – Eps62

Publicado em

Data

Resumão Tribos e Impérios – Eps62

Longge Kun anuncia para Suoda Meng que ele acabou de trazer um bom lote de escravos.
Entre os escravos, Helan Tie Duo se esforça para sobreviver, lutando fisicamente para ter acesso à água. Suoda Meng a reconhece e manda ela ser libertada.

He Ge deixa a cidade de Tian Qi e parte para a sua missão na Província de Han. Ele não se despediu de sua mãe.
Desesperada,  Nanku Ming Yi busca audiência com o Imperador. Ela quer pedir para ir junto com o filho para a Província de Han. O Imperador Muyun Qin acaba perdendo a paciência com ela, e a manda prender numa cela do palácio.

Han Jiang encontra Muyun Lu na cidade de Tian Qi. Ele lhe informa que no momento não há como ir para a Província de Han, por falta de navios, e que os Arquipríncipes pretendem levantar um motim.
Han Jiang então finalmente se dá conta de que Su Yu Ning não está com Muyun Lu. Os dois não sabem onde ela foi parar.

He Ge e seu subordinado chegam ao porto de Quan Ming. Tudo está quieto e deserto no local.
Eles procuram um navio particular para cruzar o mar, e percebem que o porto foi tomado, mas ninguém na corte nem ao menos sabe disso.
Todos que encontram no vilarejo estão com as pernas decepadas, e agindo estranhamente.
He Ge então é capturado pelos Oceânicos, e é obrigado a negociar com eles enquanto é mantido preso, de cabeça para baixo.
O líder dos Oceânicos diz que  eles não querem as terras sujas dos humanos, apenas o mar. Temendo por sua vida, He Ge é obrigado a prometer que vai conseguir com que eles tenham todos os acessos ao mar em Novoland. Só então o príncipe é libertado.

Helan Tie Duo reclama com Suoda Meng que seu povo arrisca a vida, enquanto ele simplesmente ganha mais ouro. E diz que se não houvesse guerra, ele não teria nenhum lucro.
Helan Tie Duo então pede um navio para Suoda meng.

No lado de fora, Agebu espera para negociar com Suoda Meng. Ele percebe que Suoda Meng tem todo o sal que qualquer um precisa.

Veja também